Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Prazer, Diana

Prazer, Diana

16
Ago17

Realidades que dão que pensar

Diana

Há quem ande chateada o dia todo porque teve de pagar 1,40€ de parque para ir a uma simples consulta de rotina num hospital público.

 

Há quem tenha pago o mesmo 1,40€ de parque, tenha problemas de saúde graves a agravarem-se ainda mais enquanto os médicos andam a passar a batata quente de um lado para o outro e ande o resto do dia com um sorriso contagiante porque tem esperança de que desta é que vai ser.

 

 

Só reparamos que certas coisas são tão insignificantes quando vemos de tão perto (ou passamos por) algo que é muito pior do que os nossos "problemas".

 

Até fico envergonhada ao lembrar-me que já estive no lugar dessa senhora. Queixar-me por 1,40€?! A vida é curta demais para nos andarmos a queixar seja do que for.

11
Ago17

A melhor qualidade para a vida social

Diana

Fui operadora de caixa durante 2 anos e meio e isso deu-me bastante experiência, não só no que toca a atendimento ao público mas também para a vida social.

A melhor qualidade que obtive através dessa experiência foi saber esconder quando se está mal, ter sempre um sorriso no rosto. Porque os outros não têm culpa do que se passa connosco. Somos humanos e temos dias maus, ok, mas nesses dias podemos simplesmente reduzir o número de palavras e não dar conversa, limitarmo-nos ao nosso trabalho ou à nossa vida. O mesmo podemos fazer no dia-a-dia com os outros. Ao colocarmo-nos no lugar dos outros percebemos facilmente que é muito mais agradável estarmos com alguém que está aparentemente bem do que que está mal notavelmente.

Esta foi a qualidade que obtive que mais me é útil no dia-a-dia. É uma qualidade que todos deveriam de ter.

02
Ago17

Número 1

Diana

Dizem que ter um blog é essencial a nível profissional, não só para mostrar trabalhos realizados mas também para partilhar artigos ou outras coisas de interesse profissional ou pessoal. Será verdade? Vou tentar descobrir.

 

Tratam-me por Diana e dizem que tenho 22 anos. Adoro desporto - excepto os que evolvem lutas físicas em que alguém sai com algo partido -, mas sou preguiçosa. Ou puxam por mim para ir fazer actividade física, ou o sofá é o meu melhor amigo. Pode ser que um dia isso mude.

 

Estudo na área do Turismo. Não sei se gosto ou não desta área, ainda não o consegui descobrir. Até então só me falam em saídas profissionais como recepção e isso não é algo que me agrade. Mas gosto do principal do meu curso: Gestão. Adoro a área de Gestão e estou a pensar seguir estudos nessa área quando acabar o curso actual.

 

Sou organizada. Não organizada obsessivamente mas sou organizada. Gosto de planear as coisas com antecedência para que tudo possa correr da melhor forma e evitar imprevistos, sei que acontecem mas assim há sempre tempo para "e se" e ter um plano B e C pronto. Gosto de organizar coisas, seja um espaço ou um evento.

 

Por fim...

Sou irónica, por vezes demasiado. Uma das coisas que mais me irrita é que a maioria das pessoas não consegue diferenciar através do tom de voz que o estou a ser - mesmo algumas que me conhecem à algum tempo e já estão habituadas - e chega a haver pessoas que não sabem o significado das palavras "sarcasmo" e "ironia". Parece mentira, não parece? Mas não é. Dou por mim a explicar o que é ser irónica ou sarcástica mais vezes do que deveria acontecer. Espero que isso não aconteça por aqui, até porque para estar a ler isto necessita de internet portanto pode perder 10 segundos e pesquisar no google.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D